perspectivas

Quinta-feira, 13 Março 2014

Sobre o cardeal José Policarpo

Filed under: Igreja Católica — O. Braga @ 10:14 am
Tags:

 

Mantenho aqui as críticas que fiz ao cardeal José Policarpo. A morte de uma pessoa não significa que a sua vida seja modificada. Não se trata, da minha parte, de juízos abstractos, mas antes de juízos acerca de factos.

Não é por acaso que a RTP dedicou ontem cerca de 3 horas (no mínimo) de emissão televisiva à vida do cardeal, e com a intervenção do infame Padre Anselmo Borges. Bateu tudo certo. Fiquei esclarecido. Bastou a presença, no dito programa da RTP, de Anselmo Borges — que defende o aborto e o “casamento” gay —, fazendo a apologia do cardeal José Policarpo, para percebermos todos o que esteve em causa com o cardinalato de José Policarpo.

Não me arrependo um minuto sobre as críticas que fiz ao cardeal. Um segundo. Mantenho-as até à eternidade. Não sou Deus para o julgar, mas sou um ser humano com a capacidade de crítica. Ninguém tem o direito de querer transformar a criatura de Deus em um ser acrítico.

Perante as dificuldades colocadas pela modernidade (como sempre existiram dificuldades, em todos os tempos), o cardeal preferiu o caminho mais fácil: o caminho da cedência em vez do da perseverança, o caminho da ambiguidade que se mascara em compromisso, caminho da ambivalência que confunde os fiéis, o caminho da prepotência de quem detém o Poder na Igreja Católica, o caminho da eminência parda que sustém a corrupção da política mundana. Que Deus permita que ele se possa reconciliar consigo mesmo.

Sexta-feira, 18 Outubro 2013

Terá sido este?

“Um Santo é uma pessoa muito humana” — dito Rádio Renascença, Emissora Católica Portuguesa, a 16/10/2013.

Via: Ouvido de um Cardeal português, ex-membro da Alta Cúria Romana

Segunda-feira, 10 Junho 2013

Protegido: O Daniel Oliveira e a Igreja “Católica” do arcebispo colorido de Lisboa

Este conteúdo está protegido com uma palavra-passe. Para o visualizar, por favor, insira em baixo a sua palavra-passe:

Sexta-feira, 24 Maio 2013

A Conferência Episcopal Portuguesa da Igreja Católica é a favor do aborto

FATIMA, Portugal, May 23, 2013 (LifeSiteNews.com) – The rector of Portugal’s Fatima Shrine, Fr. Carlos Cabecinhas, is again refusing permission to members of the National Pro-life Referendum Committee to collect signatures favoring a national vote on the issue of abortion.

Since 2007, abortion has been legal in Portugal during the first 10 weeks of pregnancy, and is financed by the government at taxpayer’s expense.

In a recent e-mail to Luis Botelho, leader of the Committee and president of Portugal Pro Vida, Cabceinhas writes that “the Fatima Shrine maintains the same prohibition that was communicated previously,” in 2012, when the Committee first asked for permission to collect the signatures.

Fatima shrine turns away pro-life petitioners for second year in a row

Parece que a Conferência Episcopal Portuguesa da Igreja Católica é a favor do aborto livre, gratuito e pago pelo Estado, porque pela segunda vez consecutiva em dois anos, o Padre Carlos Cabecinhas (que de cabecinha tem muito pouco) proibiu que o movimento Portugal Pró Vida recolhesse assinaturas no santuário de Fátima no sentido de se realizar um referendo popular sobre o aborto.

É preciso que alguém diga à Conferência Episcopal Portuguesa e ao Padre Descabeçado que recolher assinaturas no santuário de Fátima não é crime e sequer crime público, porque só assina quem quer. Ninguém é obrigado a assinar. Além disso nem sequer é profanação de um local sagrado, a não ser que o Padre Descabeçado pense que Jesus Cristo e a Virgem Maria seriam abortistas — e desde que já vi um Padre Descabeçado, já acredito em tudo!

Nem sequer é meter a Igreja Católica na política, porque não se trata de uma iniciativa controlada ou patrocinada pela hierarquia clerical da Igreja Católica. Acontece que a Igreja Católica não é só o clero, e muito menos o clero sem cabecinha. A Igreja Católica é composta pelo povo católico, e o clero deve servir os fiéis da Igreja na medida em que através desse serviço serve os desígnios de Jesus Cristo e do Seu Pai.

Não é possível que um clero sem cabecinha proíba a recolha de assinaturas contra o aborto durante as pausas profanas do culto mariano. Por favor, alguém que me esclareça sobre a pertinência da posição do Padre Descabeçado, porque me parece que o único modo de interpretar esta proibição sem pés nem cabeça é a de que a Conferência Episcopal Portuguesa é abortista.

Sábado, 18 Maio 2013

Sobre a nomeação de D. Manuel Clemente para Cardeal Patriarca de Lisboa

Filed under: Igreja Católica — O. Braga @ 3:25 pm
Tags: ,

“Ao contrário do que a muitos possa parecer, a nomeação do actual Bispo do Porto como Bispo de Lisboa é má para a Igreja portuguesa.” (via)

A nomeação de D. Manuel Clemente para Cardeal Patriarca de Lisboa é positiva, quanto mais não seja pelo facto de ser agora possível fazer uma “limpeza” ao arcebispado de Lisboa controlado, anos a fio, pelo “cardeal colorido”. A “limpeza” já tinha começado por iniciativa do Vaticano quando o bispo Manuel Azevedo foi recambiado para o Vaticano no seguimento de um escândalo de coação sexual em relação a um sacerdote. A este respeito ler o seguinte verbete:

Uma coisa é certa: o “cardeal colorido” sai agora mas já conseguiu aquilo que queria: a inacção da Igreja Católica em relação ao aborto, em relação ao “casamento” gay e à adopção de crianças por pares de homossexuais. O “cardeal colorido” cumpriu o seu dever luciferino. Que Lúcifer o acolha em paz e sossego.

Quinta-feira, 18 Abril 2013

Veja a diferença

Filed under: ética,Igreja Católica — O. Braga @ 5:03 am
Tags:

DAGUPAN CITY, Philippines, April 17, 2013 (LifeSiteNews.com) – A leading Filipino prelate has issued a pastoral letter encouraging Catholics to support only those candidates in the forthcoming election who “declare a categorical and clear NO to divorce, abortion, euthanasia, total birth control and homosexual marriages”.

Most Rev. Socrates B. Villegas, the archbishop of the archdiocese of Lingayen-Dagupan, said that while the Church does not interfere in elections by endorsing candidates, it does offer guidance to voters to examine the candidates “from the viewpoint of faith and with the mind of the Church enlightened by the values of the Gospel.” (Via)

veja as diferenças policarpo web

Sábado, 16 Fevereiro 2013

Os “católicos” com horror ao catecismo

Filed under: ética,cultura — O. Braga @ 6:07 am
Tags: , ,

O concílio Vaticano II foi uma tentativa de conciliação (como o próprio nome indica) entre a doutrina tradicional da Igreja Católica e o esquerdismo representado pelas diversas correntes políticas do Protestantismo. Neste sentido, foi uma cedência da Igreja Católica em relação à esquerda (movimento revolucionário) e em relação ao ideário político de muitas seitas protestantes que estão na origem histórica do movimento revolucionário.

O resultado do concílio Vaticano II está à vista de quem quiser ver: a cedência ao movimento revolucionário só acabará com a dissolução e fim da Igreja Católica Apostólica Romana. De cedência em cedência, a Igreja Católica entra em colapso. A tentativa de conciliação com os inimigos históricos da Igreja Católica representa a destruição da própria Igreja.

O imenso repositório histórico de racionalidade e humanidade que a Igreja Católica transporta consigo está hoje ameaçada. Por exemplo, os ideários e mundividências de políticos americanos ditos “católicos” é demonstrativo do desvio ético que está a destruir a Igreja Católica por dentro: utilizam hipocritamente o “estatuto” de católicos para combater a própria Igreja Católica.

catolicos relapsos web

Uma situação idêntica passa-se com clérigos e prelados da mais alta hierarquia da Igreja. Dou apenas dois exemplos: o cardeal Mahony e o cardeal José Policarpo. Estes dois, entre outros relapsos, também vão votar para a eleição do novo Papa. São prelados como esses dois que dão força e alento a políticos como os quatro referidos na imagem, legitimando as suas agendas políticas destrutivas.

Não é possível a um católico defender a possibilidade do aborto ou defender a destruição da instituição do casamento natural. Essa gente pode ser o que quiser, mas não são católicos.

“O político nunca diz aquilo em que acredita, mas antes diz aquilo que julga eficaz.” — Nicolás Gómez Dávila

Sábado, 13 Outubro 2012

O bispo de Lisboa emporcalha as suas mãos!

Filed under: A vida custa — O. Braga @ 8:50 am
Tags:

«O senhor Cardeal deu mais uma entrevista. Nela, disse que “ninguém sai da política com as mãos limpas”.»

via Logos: A Sentença Cardinalícia – por António Bagão Félix (29 de Setembro de 2011).


«O presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), José Policarpo, disse hoje, em Fátima, que as manifestações e o povo a governar, a partir da rua, resultam na “corrosão da harmonia democrática” em Portugal.

via Patriarca diz que povo nas ruas corrompe 'harmonia democrática' – Sociedade – Sol. (12 de Outubro de 2012)

O Cardeal Colorido

Sexta-feira, 5 Outubro 2012

Os sepulcros caiados

Filed under: aborto,ética — O. Braga @ 6:12 am
Tags: ,

E ouvi um uivo pavoroso, tremendo e gélido. E foi-me comunicado que aquele era o terreiro das crianças por nascer. E soube que aquela multidão tinha votado favoravelmente, ou se tinha abstido, aquando do referendo sobre o aborto. E uma voz disse-me que a justiça será rigorosa e severa para os injustos,  e que não haverá misericórdia para os desapiedados, nem compaixão para os desumanos e indiferentes.

E foi-me afirmado que um Patriarca proibiu o clero de falar da matança das crianças nascentes nos dias do Senhor da Vida, quando ela é celebrada e Se oferece nos altares.

via Logos: Cem Mil – por Nuno Serras Pereira.

Há quem se diga “cristão” e afirme que “não temos o direito de julgar o outro”; que “só Deus tem esse direito”.
(more…)

Sábado, 8 Setembro 2012

D. José Policarpo critica sacerdotes que ousam contrariar pensamento da Igreja

Filed under: A vida custa — O. Braga @ 11:49 am
Tags: , ,

« O cardeal patriarca de Lisboa criticou hoje os sacerdotes que têm a audácia de contrariar o pensamento essencial da Igreja Católica, colocando em causa a orientação pastoral dos fiéis. »

via D. José Policarpo critica sacerdotes que ousam contrariar pensamento da Igreja | Sociedade | Diário Digital.

Mas ¿a que Igreja o cardeal se refere? À Igreja de Roma, ou à Igreja de Lisboa? É que me parece que a Igreja de Lisboa contraria o pensamento da Igreja de Roma…!

[ via ]

Terça-feira, 28 Agosto 2012

A Rádio Renascença e o ‘cardeal colorido’

Filed under: A vida custa,ética — O. Braga @ 3:50 pm
Tags: ,

O Cardeal Colorido

«Duas mães em sobressalto, uma psicóloga e outra professora de ética, desabaram sobre mim as suas grandes preocupações sobre um programa de um canal televisivo, intitulado dancin’ days, patrocinado, segundo elas, pela Rádio Renascença (RR), e que parece estar a ter muito sucesso entre adolescentes e jovens.

Entre outras coisas relataram-me que havia um pai e um filho que partilhavam a mesma amásia, e também que os ditos episódios televisivos advogavam perversamente a homossexualidade.

Não saberei dizer se os meus amigos se recordam dos tempos em que a (RR), propriedade do Episcopado português, era Católica. Eu que sou (pelo menos mentalmente) contemporâneo de Matusalém, ainda me lembro.

A mim parece-me que, embora já houvesse claros sinais de degradação, a machadada fatal na sua identidade ocorreu quando a RR contribuiu activamente para a vitória do “sim” à liberalização do aborto aquando do último referendo. Desde então a sua putrefacção nauseabunda, disfarçada com o perfume de alguns programas bem cheirosos, tem vindo a alastrar. Trata-se de um quase cadáver coberto de gangrenas.»

via Logos: A RR, de novo – por Nuno Serras Pereira.

Quarta-feira, 8 Agosto 2012

A Igreja Católica francesa prepara um dia de oração pela família e contra o “casamento” gay

August 7, 2012 (LifeSiteNews.com) – Cardinal André Vingt-Trois, the Catholic archbishop of Paris and the leader of the Conference of French Bishops, has issued a prayer against the legalization of homosexual “marriage” and euthanasia that he is asking all parishes to pray on August 15, feast of the Assumption of the Blessed Virgin Mary.

via French Catholic Church prepares national day of prayer for family and against homosexual ‘marriage’ | LifeSiteNews.com.

Já imaginaram o cardeal de Lisboa ter tido uma iniciativa idêntica quando José Sócrates decretou o “casamento” gay com o beneplácito da esquerda radical?
Se imaginaram, desenganem-se, porque o hipócrita cardeal colorido é a favor do “casamento” gay.

Página seguinte »

%d bloggers like this: