perspectivas

Quarta-feira, 6 Fevereiro 2013

Gadamer e a tradição

Filed under: ética,filosofia — O. Braga @ 6:33 am
Tags: , ,

«(i) Dois conceitos desempenham um papel relevante na compreensão da consciência histórica: a situação hermenêutica e o horizonte.

(ii) Há que partir da ideia de que nos encontramos sempre numa situação caracterizada, porque cada um está nela, e não diante dela, o que impede a obtenção do seu domínio completo. Neste sentido, podemos ter consciência de que nos encontramos em determinada situação e impossibilitados de a dominar em plenitude.

(iii) O mesmo sucede quando nos confrontamos com a tradição, pois o facto de dela fazermos parte limita as nossas possibilidades de reflexão.

(iv) Deste modo, o conceito de situação limita as nossas possibilidades de ver, isto é, fixa-nos um horizonte de visão que abarca o que é visível a partir de uma situação. É isto que permite afirmar: “A elaboração da situação hermenêutica significa, então, a obtenção do horizonte correcto para as questões que se apresentam perante a tradição.»

excerto do livro de que falei aqui, da autoria de Sofia Reimão, página 52


1/ Gadamer comete aqui uma falácia lógica. (more…)

Terça-feira, 5 Fevereiro 2013

A questão contemporânea da morte e Hans-Georg Gadamer

Filed under: ética,Ciência,cultura,filosofia,Livros — O. Braga @ 7:24 am
Tags: , , ,

Acabei de “estudar” o livro de autoria da portuguesa Sofia Reimão, com o título “A Questão da Medicina e a Morte como Questão, em Hans-Georg Gadamer”. (*)
(more…)

Sexta-feira, 28 Maio 2010

Algumas características do gnosticismo moderno (2)

Para termos uma ideia mais precisa das origens do gnosticismo e do que este representa na modernidade, teríamos que abordar a História das Religiões — o mesmo quer dizer, a História do género humano e, principalmente da evolução da espécie do homo sapiens sapiens. O género humano é indissociável da religião; não é possível falar num evitando a outra. Neste sentido, a própria recusa desta associação natural entre o género humano e a religião é, em si mesma, uma característica do gnosticismo moderno.
(more…)

%d bloggers like this: