perspectivas

Terça-feira, 2 Fevereiro 2010

Pensar contra a corrente

Este texto é interessante. O autor abre com caução: “Que causas,” diz ele, “longe das convulsões atávicas motivadas por diferenças ideológicas, preconceito ou falhas de comunicação”, ou seja, distingue o racional da estupidez.
(more…)

%d bloggers like this: