perspectivas

Domingo, 18 Julho 2021

A intolerância da Igreja Católica do Chico

Filed under: Igreja Católica,papa Chico,papa-açorda — O. Braga @ 4:02 pm

Para o papa Chico, o catolicismo não é propriamente uma religião: em vez disso, para ele, é uma ideologia política, em que a Igreja Católica se organiza como um partido político mundano.

papa-chico-comuna-400-webO sonho do Chico é transformar o catolicismo em uma espécie de Xiismo, em que a componente política imanente controla a metafísica transcendente. Só assim se compreende a forma como o Chico se comporta no exercício das suas funções, como uma espécie de caudilho político autoritarista.

Tal como eu, muitas dezenas de milhões de pessoas, em todo o mundo, afastaram-se desta Igreja Católica do Chiquinho.

Somos pessoas cheias de desgosto pelo que se está a passar no Vaticano. Não há notícia, nos anais da História, de um papa tão intolerante como este — em relação aos católicos, mas só em relação a estes! —; porém, em relação ao mundo não-católico, islâmico, e mesmo herético ou ateísta, nunca houve um papa tão permissivo como o Bergoglio. Ele só “malha” nos seus!

Muito estranho, o que se está a passar na cúpula da Igreja Católica actual; e os bispos, em geral, são coniventes, porque se calam perante o despotismo e a intolerância de um indivíduo que nunca deveria ter sido alcandorado ao papado.

Este papa tem o desplante de desautorizar o seu antecessor que ainda vive; nem sequer esperou pela morte de Bento XVI para revogar os seus éditos papais.

O Chico não se comporta com a misericórdia própria de uma papa, mas antes com a rudeza de um político, ou com a desumanidade de um mafioso. Já tivemos, ao longo da História, alguns papas mafiosos; mas nunca um, como o actual, que demonstrasse tanta intolerância em relação ao povo católico.

Um papa que critica severamente o clericalismo, mas simultaneamente confia no clero a missão intolerante de reprimir a prática religiosa do povo católico. Este papa é uma contradição com pernas. Deus o leve quanto antes.

A ler:

1 Comentário »

  1. Caro Orlando, infelizmente este revés será terrível para a Igreja, pelo menos no curto prazo. Estávamos em crescimento exponencial e agora ninguém sabe o que vai acontecer.

    Porém, há esperança: existe uma claríssima tendência para a ortodoxia por parte dos jovens, que são quem mais frequenta a Missa Tradicional. É também de entre estes grupos de católicos fiéis que, proporcionalmente, surgem mais vocações sacerdotais. Das comunidades ligadas à liturgia moderna praticamente não saem novos sacerdotes, e os poucos que saem também regra geral simpatizam com a Missa de sempre. Estes novos sacerdotes serão os bispos da próxima geração, até porque não haverá mais ninguém para ocupar os cargos. A demografia está a nosso favor e os velhos hereges modernistas sabem disto muito bem, por isso é que estão a tentar desesperadamente travar o inevitável enquanto julgam que ainda podem.

    Gostar

    Comentar por Simão — Domingo, 18 Julho 2021 @ 8:51 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: