perspectivas

Segunda-feira, 1 Junho 2020

O José Pacheco Pereira é constrangedoramente patético

Filed under: Cuidado que esta gente tem opinião!,José Pacheco Pereira — O. Braga @ 10:04 am

breitbart-tuga

Alguma vez, alguém no seu perfeito juízo ¿poderá estabelecer qualquer semelhança entre o Observador, por um lado, e o Breitbart co-fundado por Steve Bannon?!

¿Como é possível àquele burro fazer esta comparação?!!

¿Comparar o Observador com a Fox News?!!!! Interpretação delirante! Ou o tipo está a ficar senil.

2 comentários »

  1. Ora viva sr. Orlando. Eu acho que no fundo é apenas uma síntese confusa, para o besta Pereira o Observador; a Fox News e o Breitbart por terem um aspecto ou outro em comum ou certas simpatias em comum já são parte da mesma coisa e por mais indefinida e confusa que a coisa seja, na cabeça da besta, é algo verossímil. É bom que apareçam mais como ele no PSD para mostrar ao povo a sua verdadeira essência: um partido de esquerda e nada mais o que significa que andamos há mais de 40 anos a viver uma ilusão já que uma democracia, tal como um gavião, precisa de duas asas para voar. Essas sínteses confusas preenchem vastamente o imaginário das nossas elites(como o sr. diz que não são escol) outro exemplo parecido a esse do “Breitbart português” é o “versão portuguesa do fascismo” que muitos usam para continuar a rotular, estalinisticamente, de fascista o Estado Novo justamente por ter sido um inimigo do comunismo, o que é que o sr. acha?

    Liked by 1 person

    Comentar por EU ALI — Segunda-feira, 1 Junho 2020 @ 6:42 pm | Responder

    • 1/ eu penso que os Estados Unidos foram (formalmente) “inimigos do comunismo”, e nem por isso foram “fascistas”. O ser “inimigo do comunismo” não é sinónimo de “fassista”.

      2/ no Estado Novo existiram diferentes “sensibilidades”; por exemplo, Rolão Preto era adepto de uma espécie de “fascismo” aplicada à realidade portuguesa; mas Rolão Preto nunca representou o Estado Novo. Aliás, acabou por ser perseguido por Salazar.

      3/ eu penso que Salazar nunca foi fascista (como foi Mussolini, por exemplo, ou mesmo Francisco Franco); aliás, ser fascista, por um lado, e ser (simultaneamente) católico praticante, por outro lado, é contraditório.

      4/ coisa diferente de “fascismo”, é o “corporativismo”.

      Por exemplo, o fundador da sociologia, Durkheim, foi simultaneamente socialista e corporativista.

      O corporativismo esteve na moda em inícios do século XX devido às ideias de Hegel que marcaram sobremaneira a forma de pensar de Salazar.

      Gostar

      Comentar por O. Braga — Segunda-feira, 1 Junho 2020 @ 8:47 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: