perspectivas

Quinta-feira, 25 Maio 2017

Cuidado com a Vodafone Empresas — Vigarice Q.B.

Filed under: A vida custa — O. Braga @ 1:39 pm

 

Durante dois anos gastei mensalmente, na empresa, um balúrdio em telefones móveis; e, por isso, eu ia angariando pontos em função do consumo, no chamado Clube Viva.

Mas, afinal, os pontos angariados pelo consumidor (neste caso, a empresa) não lhe pertencem; ou seja, o cliente da Vodafone não pode fazer o que quiser com os pontos que legitimamente ganhou — ao contrário do que acontece na MEO, por exemplo.

A Vodafone exige que, na compra de material utilizando os pontos legitimamente ganhos, seja fidelizado um nº de telemóvel da Vodafone durante 18 meses, o que significa que a Vodafone obriga o cliente a não mudar de operadora durante 18 meses se quiser utilizar os pontos acumulados pelo seu próprio consumo.

Note o leitor, o seguinte: mesmo que a Vodafone diga que “são as condições do Clube Viva”, essas condições não podem ser válidas juridicamente — assim como uma burla, por exemplo, não passa a ser válida só porque uma das partes contratantes não se apercebeu previamente da burla. Uma burla ou acção em má-fé não podem ser legais senão em um estado selvagem.

Por causa desta vigarice da Vodafone, vou mudar para outra operadora de telefones e Internet. Mas, antes disso vou utilizar os pontos legitimamente ganhos, adquirir o material a que tenho direito, e depois mandar a Vodafone à merda — que é o que eu aconselho a todos os leitores que tenham Vodafone.

Anúncios

2 comentários »

  1. Pois O Sr. não deve estar devidamente informado pois o que o Sr. está a transmitir já me ocorreu o mesmo na MEO quando tentei adquirir um equipamento novo com a utilização dos pontos e me foi transmitido que não o poderia fazer pois tinha renovado o contrato de telemóvel à poucos dias.
    Resumindo são todos iguais não Há volta a dar.

    Comentar por António Francisco Lourenço Silva — Sexta-feira, 26 Maio 2017 @ 9:29 am | Responder

    • Essa situação que você relata é diferente da que eu coloquei aqui. Não devemos comparar alhos com bugalhos. Falei aqui de “fidelização coerciva” por 18 meses, o que é ilegal.

      Comentar por O. Braga — Sexta-feira, 26 Maio 2017 @ 10:56 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.