perspectivas

Domingo, 1 Maio 2016

O José Pacheco Pereira sempre foi um marxista

Filed under: A vida custa — O. Braga @ 12:31 pm
Tags: , ,

 

“O que torna o Pacheco Pereira um traste moral não é as ideias que tem ou não tem. Passamos a semana inteira a ouvir coisas tão ou mais estúpidas do que aquelas que ele faz questão de repetir por todo lado em que lhe derem atenção, sem as acharmos, por isso, indignas. O que faz dele um traste é não ter a coragem de sair do PSD, e ir para Associação 25 de Abril, para o Bloco, para a Bloca, ou para onde lhe der na realíssima gana. Toda a gente tem direito de mudar.”

Insurgente

A ideia que o José Pacheco Pereira tem do Partido Social Democrata é a de que é um partido de esquerda. E ser de esquerda é sofrer de influência marxista.

jpp-marxOu seja, o José Pacheco Pereira é de opinião de que as experiências dos partidos comunistas (URSS, Cuba, etc.) não traduzem o desígnio de Karl Marx: foram erros históricos; e que o ideal marxista pode ser resgatado através do socialismo fabiano, em que o colectivismo vai sendo construído através da desconstrução do indivíduo — o individualismo radical que coloca o indivíduo isolado face ao Estado plenipotenciário; com o indivíduo isolado e atomizado, o reforço do Poder do Estado conduzirá ao colectivismo que o comunismo clássico não construiu de forma eficaz.

O José Pacheco Pereira sempre foi um marxista, embora relapso em relação ao comunismo soviético.

Nunca ouvirão de José Pacheco Pereira qualquer crítica às engenharias sociais propostas pelo Bloco de Esquerda e pela ala esquerdista do Partido Socialista. O José Pacheco Pereira é um gramsciano inconfesso, e por isso, hipócrita — pelo menos, o Bloco de Esquerda assume o estapafúrdio e o irracional. O silêncio de José Pacheco Pereira em relação à estratégia gramsciana de alienação do indivíduo na sociedade, faz dele um submarino marxista no Partido Social Democrata. Mas não é só ele: há muitos mais submarinos marxistas no Partido Social Democrata e no CDS/PP.

“Em 2013, a então maioria propôs que a expressão "Direitos do Homem" fosse substituída por Direitos Humanos. PS e BE votaram a favor, PCP e Verdes abstiveram-se”.

"Homem" não engloba as mulheres, disseram PSD e CDS em 2013

Alguém se admira que o Bloco de Esquerda quisesse alterar o Cartão de Cidadão para Cartão de Cidadania? O Partido Social Democrata e o CDS/PP defendem os mesmos princípios do Bloco de Esquerda.

A ideia de José Pacheco Pereira segundo a qual o Partido Social Democrata é um partido de Esquerda corresponde à verdade. E, como bom marxista, o José Pacheco Pereira não admite nem tolera que hajam correntes ideológicas divergentes dentro do Partido Social Democrata.

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.