perspectivas

Quinta-feira, 7 Abril 2016

Um Ensaio não é um Tratado

Filed under: A vida custa — O. Braga @ 10:26 pm
Tags:

 

Eu não sou um defensor do Henrique Raposo, até porque não concordo com ele amiúde — ele é um liberal e eu sou conservador. Mas não posso concordar com a ideia vertida neste artigo acerca do Henrique Raposo e do seu ensaio (não se trata de um Tratado Antropológico!) “Alentejo Prometido”.

Desde logo, devemos criticar ideias, e não pessoas. Alegadamente, o Henrique Raposo é um “licenciado em morangos com açúcar” e, por isso, o ensaio dele não tem qualquer valor. O ataque ad Hominem revela a vacuidade intelectual de quem o profere: pode ser até muito bem escrito, mas há muito burro por aí que tem cuidado com a caligrafia.

Um ensaio é, por definição, uma composição literária curta sobre um assunto ou tema particular, normalmente em prosa e geralmente de natureza analítica, especulativa ou interpretativa.

Quem não se deu conta de que o opúsculo do Henrique Raposo é um ensaio, não pode ser outra coisa senão um ignaro — por muito bem que saiba escrever.

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.