perspectivas

Segunda-feira, 18 Novembro 2013

Alguma coisa vai muito mal no reino do Brasil

Filed under: Esta gente vota — O. Braga @ 7:39 am
Tags: ,

 

Como é possível um presidente da república em exercício participar em um congresso de um partido político?!!

dilmapcdob

Seria inimaginável, por exemplo, que o ex-presidente da república portuguesa, Mário Soares, e/ou Jorge Sampaio, que eram ambos militantes do Partido Socialista antes da eleição, participassem em um congresso do Partido Socialista enquanto exerciam as funções de presidente da república. Faz parte da tradição política portuguesa que um presidente da república em exercício se abstenha de actividade partidária.

No Brasil parece que não é assim. A presidente Dilma Roussef participou e discursou no congresso do Partido Comunista do Brasil! Já seria mau que ela, na qualidade de presidente da república em exercício, participasse no congresso do seu próprio partido (o PT); mas pior ainda foi a presidente da república ter participado e intervindo em um congresso de um outro partido que parece não ser o seu.

O activismo partidário de um, ou uma, presidente da república é a subversão do Estado de Direito. Dilma Roussef foi eleita para minar qualquer possibilidade de sedimentação cultural da tradição democrática no Brasil.

4 comentários »

  1. Se fosse só isso… foi no dia da República, foi um ato de companheirismo e apoio a mensaleiros condenados, tinha Marx e Lenin ladeando o palco em gigantescas imagens.

    Gostar

    Comentar por Felipe Kronéis — Segunda-feira, 18 Novembro 2013 @ 9:17 pm | Responder

  2. E tem mais uma coisa que não foi dito no artigo.
    Lula foi questionado por não ter comparecido ao evento e a sua resposta foi:
    “A Dilma me representou”. Ou seja, a presidente representou o ex.

    Gostar

    Comentar por Agilmar Machado Filho — Terça-feira, 19 Novembro 2013 @ 12:30 am | Responder

  3. No campo do terrorismo, a então na época jovem Dilma, não se tratava apenas de um militante com arroubos da juventude, era a mentora intelectual e estrategista do grupo VAR-Palmares e coordenadora de ações sofisticadas como sequestros de embaixadores estrangeiros e assaultos a bancos e casa de autoridades como a do governador Ademar Barros. Se fosse num grupo islâmico, ela teria posição equivalente a do Sheik Ahmed Yassin do Hamas. Trata-se de uma mulher perigossima. Aqueles traficantes de morro no Rio de Janeiro, são cafezinho perto de Dilma.

    Gostar

    Comentar por Marcelo R. Rodrigues — Terça-feira, 19 Novembro 2013 @ 8:02 pm | Responder

  4. *perigosíssima.

    Gostar

    Comentar por Marcelo R. Rodrigues — Terça-feira, 19 Novembro 2013 @ 8:03 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: