perspectivas

Quarta-feira, 6 Novembro 2013

Referendo irlandês acerca do "casamento" gay em 2015

 

socrates-casamenteiroJosé Sócrates, “cançado” pelo “cançaço” “cançativo” de quem o “cançava” nas suas orgias nocturnas, decidiu que o "casamento" anfíbio seria promulgado por decreto e à revelia do povo português, uma vez que o voto no parlamento, como sempre acontece neste país, é um pró-forma.

Quem o “cançou” levou a água a seu moinho. Vivemos num país em que uma qualquer galdéria de bas-fond e os seus amigos, “cançam” o primeiro-ministro em “surubas” noctívagas, e no dia seguinte é aprovado no parlamento o "casamento" anfíbio.

Na Irlanda não há pequenos ditadores da laia de José Sócrates. Na Irlanda existe um Estado de Direito. A Irlanda não é uma república das bananas lisboeta. Na Irlanda vai haver um referendo popular acerca do "casamento" dos fanchonos.

1 Comentário »

  1. 2015 é muito à frente. Os gayzistas querem tempo para fazer uma propaganda de modo a amoldar de forma brutal o “casamento” gay à mente popular. Fiquemos de olho nisso, pois poderão vir a usar métodos parecidos em referendos em outros países quando se sentirem seguros.

    Gostar

    Comentar por Ebrael Shaddai — Quarta-feira, 6 Novembro 2013 @ 11:32 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: