perspectivas

Sexta-feira, 12 Julho 2013

Ser contra o aborto e contra a eutanásia é ser racional

Filed under: aborto — O. Braga @ 7:28 pm
Tags: , , , ,
genoma-humano-300-web.png

Genoma humano

Ser contra o aborto e contra a eutanásia é o resultado e o corolário de puro exercício de racionalidade. Ou seja, não é uma questão de dogma, ou apenas de religião, ou de uma qualquer crença: é sobretudo uma questão de se seguir a razão e a lógica.

A vida de uma pessoa – ou de um “indivíduo”, como preferem dizer os liberais – não lhe pertence, por duas ordens de razão:

1/ uma pessoa não deu — ou não concedeu — a sua vida a si própria;

2/ uma pessoa não pode decidir — por sua alta recreação e capricho — que não irá morrer.

Decorre destes dois pontos supracitados que uma pessoa não faz, de facto, da sua vida tudo o que quiser e, por isso, a sua vida enquanto tal não lhe pertence. E se uma pessoa não tem o direito de decidir sobre a vida ou morte do seu semelhante, então terá necessariamente que ser contra o aborto e contra a eutanásia.

Acresce-se que uma pessoa não é só um ser dotado de consciência e de auto-consciência e/ou existente fora do útero materno.
A pessoa é todo e qualquer ser vivo que possua um genoma humano.

Em suma, não é necessário ser religioso para se ser contra o aborto e contra a eutanásia: apenas é necessário ter miolos e pensar um pouco.

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: