perspectivas

Quinta-feira, 8 Julho 2010

Passa pela cabeça de alguém que o nosso Santo Nuno Álvares Pereira seja venerado em Espanha?

Quando perguntaram a Joana d’Arc: “Deus odeia os ingleses?”, ela respondeu: “Não, mas aprecia-os mais na terra deles”.

E os ingleses não lhe guardam rancor. O santo mais popular em Inglaterra, e cuja imagem se encontra em todas as igrejas católicas e mesmo em muitas igrejas anglicanas, é a de Joana d’Arc. E se perguntam aos ingleses por que a queimaram, eles respondem que não foram eles que o fizeram, e acusam alguns franceses de o terem feito.

Já imaginaram que seja possível a existência de uma só imagem do nosso Beato Nuno de Santa Maria numa igreja espanhola?

Penso que isso nunca será possível, porque os espanhóis nunca perdoam a Deus o facto de que Portugal não fosse parte da terra deles.

6 comentários »

  1. Vi os seus artigos aqui e sobre o iberismo e sengui os links para aqueles foruns e blogs – não li toda a polémica, mas creio ter lido grande parte.

    O amigo espanhol Ordoñes(é o titulo que usa creio!) engana-se em argumentos contra a história de Portugal.

    Diz por exemplo que Portugal egoísticamente, despreocupou-se com a reconquista após completar a integração do Algarve e portanto após a reconquista do seu território.

    D. Afonso IV tinha más relações com o Rei de Castela(assim como outros monarcas peninsulares com o mesmo Rei de Castela), mas quando se deu a última grande invasão da Peninsula por parte do Rei de Marrocos e do Ocidente norte africano, aliado ao de Granada, todos recusaram ajuda. Aragão recusou assim como todos os Reinos Ibéricos(apesar de indirectamente os seus países estarem também sob ameaça e não só Castela – esta directamente).
    Quem foi o único que respondeu afirmativamente apesar da má relação com Castela? Exacto, D. Afonso IV O Bravo de Portugal – aliás, exército português e Monarca lusitano decisivos na refrega que afastou a última invasão da Península (inclusivamente recusou o saque que o rei de Castela lhe ofereceu como agradecimento).

    Não estiveram voluntários portugueses no cerco a Granada, como Francisco de Almeida – que viria a ser famoso na história Mundial no Oceano Indico?

    E quem é que abriu primeiro(antes e maior que Castela ou Aragão) uma frente em Marrocos como muitos custos humanos e não só desde 1415, desde Ceuta a Tânger,a Azamor e até mais de uma dezena de cidades no Norte de África, inviabilizando assim projectos de reconquista da Peninsula ou ajudas a Granada, quando já tinha uma frente considerável em Marrocos?
    Pois é – foi Portugal.

    Mas também acho que há por lá uma grande fantasia com a “reconquista”. na verdade, Cristãos viveram e até apoiaram Estados, reis e Emires mouros, assim como os próprios Cristãos(tal como alguns Judeus9 foram grandes Governadores ao seu serviço. E Granada lá foi sobrevivendo a custo, pagando tributos a Castela.

    Exaltam-se por lá também contra D. Pedro IV e pelo Miguelismo de D. Miguel I(que eles falseiam despudoradamente como “hispanismo” só por ser aliado do carlismo, como era natural, assim como com todas as correntes congéneres naqueles conflitos civis.)

    Gostar

    Comentar por Lusófono — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 12:25 pm | Responder

  2. E mandam vir por lá com a bandeira que usa no blog.

    Há! a bandeira Azul e branca liberal e Constitucional de 1830(fala lá da bandeira que usa no blog) era inspirada em Nossa Senhora da Conceição e sobretudo nas Sagradas Quinas de Jesus Cristo Portuguesas, na escolha das cores. E a menina D. Maria II teve o seu papel nisso – nos Açores.
    Embora há quem sustente que antes do século 14 – quando já eram em azul e portanto presume-se que o eram antes, desde D. Afonso Henriques e D. Sancho I – poderiam ser a azul, vermelho etc – e com forte vinculação ao desenho da Cruz orbicular Templária(na direita também), como se vê nos selos reais mais antigos.

    Seja como for, a bandeira constitucional está ssim explicada.

    Eu sou um crente no Milagre Cristofânico de Ourique e acredito na sua vinculação ao símbolo. É a tradição esotérica e cristica do Povo, muito antes dos Cistercienses resuscitarem os documentos e a Tradição.

    E o outro nosso símbolo nacional é o da Ordem de Cristo ainda mais vinculado à casa real após D. Manuel(desde sempre após este monarca, tornando-se ainda mais nacional) e não simbolos militares habsburgos que nem nos 60 anos jamais foram arvorados em terras portuguesas, como alguns pseudo-iberistas nos querem impor.
    E bandeiras Reais pessoais, particularmente a vermelha e branca com a Esfera Armilar dourada de D. Manuel, símbolo do Cosmos, dos Astros e da totalidade, que imperou no Mundo unida às sagradas Quinas e Ordem de Cristo.
    A nossa Simbólica e heráldica vale por si.

    Saudações

    Gostar

    Comentar por Lusófono — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 12:27 pm | Responder

    • Lusófono

      Obrigado pelos seus esclarecimentos. É sempre muito agradável termos comentários de pessoas que sabem bem do que falam!

      Gostar

      Comentar por O. Braga — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 2:45 pm | Responder

  3. E claro, a bandeira pessoal do S.Condestável! Um símbolo da minha e da nossa identidade!

    Gostar

    Comentar por Lusófono — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 12:54 pm | Responder

  4. Mais uma adenda e peço desculpa por isso: “Ressuscitaram” (correcção)

    E referia-me, claro, à Batalha do Salado, cronológicamente bem depois da Reconquista Portuguesa – mas a história não ficou por aí.

    Cumprimentos.

    Gostar

    Comentar por Lusófono — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 1:31 pm | Responder

  5. Eu é que agradeço.

    Tentando não massacrá-lo com comentários.

    Mas esclareço só que tirei um bocado de tempo;(e há muito a explorar) – fiz uma busca por “iberismo” aqui(e li muito) e fui ver também aqueles sitios hispânicos.

    Obviamente que vi lá textos em resposta às suas posições. E muito mais por lá é dito.
    Havia muito a responder-lhes.

    Gostar

    Comentar por Lusófono — Sexta-feira, 9 Julho 2010 @ 3:16 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: