perspectivas

Quarta-feira, 18 Novembro 2009

Vejo o povo cabisbaixo

Filed under: A vida custa,economia,Portugal,Sociedade — O. Braga @ 8:32 am
Tags: , ,

Na área do Grande Porto, a taxa de desemprego oficial está nos 11%, mas a minha estimativa é de que tenha alcançado já os 15% porque muita gente nem se dá ao trabalho de se inscrever nos Centros de Emprego. Sente-se o ambiente tenso, rostos cerrados, insegurança nos olhares. Gente cabisbaixa, derrotada.

Pela manhã cedo, antes sequer de os cafés abrirem, são essencialmente as mulheres que procuram os transportes públicos; são elas que dão o exemplo de tenacidade. Um pouco mais tarde, são as crianças a caminho das escolas que nos lembram que este país tem um futuro que urge fazer cumprir.

« A minha indignação tem a ver com a dualidade deste País que parece conviver muito bem com a trapaça e a corrupção mas também com os idosos que não têm dinheiro para comer todos os dias e com as crianças quase sem futuro pela situação de pobreza absoluta das suas famílias »

Manuela Arcanjo, “Jornal de Negócios”, 16-11-2009

1 Comentário »

  1. Excelente citação. A situação é gravíssima.

    Gostar

    Comentar por Henrique — Quarta-feira, 18 Novembro 2009 @ 11:35 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: