perspectivas

Sexta-feira, 24 Outubro 2008

A ucronia civilizacional da elite política europeia

Filed under: Europa — O. Braga @ 4:46 pm
Tags: , , , , , ,

Constatamos que algo de extraordinariamente irracional está a acontecer a Ocidente, e principalmente na Europa. Por parte da elite política europeia, existe uma “certeza do futuro” que me deixa inquieto ― a mim e a qualquer pessoa com dois dedos de testa. Como é possível termos uma “certeza do futuro” se os planos que fazemos todos os dias são feitos exactamente para falharem? Não foi o ateu John Lennon que disse que “a vida é o que acontece quando fazíamos outros planos”?

Meus amigos: nós estamos a ser governados por gente medíocre ― é a única justificação que eu consigo encontrar para o que se está a passar na Europa. Naturalmente que os políticos portugueses são, de certa maneira, obrigados a seguir determinadas orientações irracionais de Bruxelas, e por isso até lhes dou um desconto na culpa.

Não posso conceber que as políticas seguidas pela elite política europeia sejam propositadas e planeadas; isso seria dizer que temos uma classe política suicida, e de acordo com a lei natural das coisas, ninguém em seu perfeito juízo e gozando de boa saúde gosta de se suicidar.
Existe antes um convencimento por parte da elite política ― uma crença ― de que um determinado futuro “está no papo” por obra e graça de uma qualquer Providência imaginada e engendrada, que coloca a História a favor de uma ideia utópica que essa elite política considera inexoravelmente certa que se materialize. E isto mete medo; os teóricos metem medo.

O que fez a elite política europeia depois da Revolução Francesa? Perseguiu quanto pode o Cristianismo ― primeiro de uma forma camuflada criando o “Estado anti-ateísta” “Estado-ateísta”, e agora de uma forma tão evidente criando o “Estado anti-cristão”, e de tal forma que a prática pública do cristianismo já é considerada crime em alguns países europeus. Por exemplo, em Inglaterra, a British Airways proíbe que os seus empregados usem crucifixos ou outros sinais que indiciem a prática da religião cristã. Na Suécia, padres cristãos são presos por citarem em público passagens da Bíblia consideradas “politicamente incorrectas”.

Vejam bem: há duzentos anos para cá, a elite política europeia engendrou um simulacro de uma “civilização modernista laica”, que por ser um conceito totalmente absurdo, está a cair aos pedaços e já está em adiantado estado de putrefacção ― já fede horrorosamente ― porque está cientificamente provado que uma civilização não existe sem religião. Meus caros: isto é básico: não existe civilização possível sem religião. Não vale a pena inventarem aquilo que não é possível de invenção; o que podem inventar é outra religião para substituir o Cristianismo, e isto já faz todo o sentido. Essa religião é o Islão.

E o absurdo da elite política europeia está aqui: combate-se ferozmente um Cristianismo que é, na sua essência, uma das religiões mais tolerantes que existem, para se introduzir na Europa o Islão que é um Princípio de Ordem Totalitária.

Digam-me agora: isto faz algum sentido? Os políticos europeus querem substituir ― sob o ponto de vista cultural ― uma religião como o Cristianismo que, por exemplo, apenas condena moralmente os actos homossexuais, por outra religião que enforca os homossexuais em cerimónias públicas, em que estes são pendurados pelo cachaço com pompa e circunstância ao som fanhoso de um muezzin berrando num minarete, e da lengalenga de um moádi brandindo o Corão?!!!

Será que os políticos europeus estão convencidos que é possível fugir à prevalência do Islão na Europa eliminando, ao mesmo tempo, o Cristianismo? Será que essa gente tem cérebro? E depois, vem o mentecapto chapado do Jorge Sampaio à TV, dizendo, com aquele seu (dele) ar de idiota doutorado, que é preciso mais imigração islâmica na Europa e defender a adesão da Turquia ao Tratado de Schengen?!! Não haverá por aí uma alma caridosa que ofereça ao Sampaio uma adega inteira de bom vinho alentejano, a ver se ele “adormece” de vez ?!

Anúncios

4 comentários »

  1. […] fogem de Mossul =» LamBlog – Algures no Islão =» COMBUSTÕES – O judeu que criou o Islão =» Perspectivas – A ucronia civilizacional da elite política europeia =» A cidade do sossego – […]

    Gostar

    Pingback por Maomé em banda desenhada « Islão a nu - Para tomar consciência do terror — Sábado, 1 Novembro 2008 @ 9:58 pm | Responder

  2. Acho que já li este texto noutro lado qualquer…Talvez aqui: http://cudeoeiras.blogs.sapo.pt/102717.html

    Gostar

    Comentar por kruzeskanhoto — Terça-feira, 6 Outubro 2009 @ 10:11 pm | Responder

  3. Cruzes canhoto:

    Trata-se evidentemente de plágio. Vou denunciar aqui. Quanto mais não seja, repare-se na diferença das datas de publicação.

    Gostar

    Comentar por O. Braga — Quarta-feira, 7 Outubro 2009 @ 8:29 am | Responder

  4. […] me chamou à atenção para o facto deste meu postal ter sido transcrito na integra ― apenas mudando o título ― neste […]

    Gostar

    Pingback por Copiar o texto dos outros sem mencionar a autoria, é coisa feia « perspectivas — Quarta-feira, 7 Outubro 2009 @ 8:55 am | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.