perspectivas

Terça-feira, 10 Junho 2008

Pastor canadiano condenado por delito de opinião

Stephen Boissoin, um pastor luterano que se manifestou publicamente contra a lavagem cerebral das crianças a favor da promoção da homossexualidade nas escolas públicas do Canadá, foi condenado a pagar 7 mil euros de multa que reverte a favor de organizações políticas de activistas homossexuais, a pedir desculpa em público pelo facto de ter tido opinião nesta matéria, e a comprometer-se a manter-se calado em relação a este tipo de assunto.

Alberta Pastor Fined $7000 and Ordered to Publicly Apologize and Remain Silent on Homosexuality

TrackBack URI

%d bloggers gostam disto: