perspectivas

Terça-feira, 30 Outubro 2012

Passos Coelho e “o regresso aos mercados”

O argumento do PSD do Pernalonga do “regresso aos mercados”, depois de passarmos pelo crivo de uma austeridade ideologicamente orientada, é o cumulo da demagogia.

Portugal está hoje a pagar à “Troika” uma taxa de juro de cerca de 4,5%, e o argumento do PSD do Pernalonga é o seguinte: “se voltarmos aos mercados, resolvemos o problema da taxa de juro”. Falso! Demagogia bovinotécnica!. Outra demagogia: “se voltarmos aos mercados, podemos negociar o pagamento da dívida”: falso! Demagogia bovinotécnica. Se existe alguma janela de oportunidade política para renegociar a dívida, é agora.

A demagogia política de Passos Coelho assusta: ele parte de factos reais e concretos para depois impôr uma agenda política e ideológica que reduza Portugal a uma espécie de “Marrocos da Europa do Euro”.

“O Orçamento do Estado viola as leis da Física e é da ordem da magia. Pode dizer no intróito que quer ir mais depressa do que a velocidade da luz. Dizer pode, ir não pode.”

via ABRUPTO.

About these ads

Deixe um comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed para os comentários a este artigo. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

The Rubric Theme. Create a free website or blog at WordPress.com.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 497 outros seguidores