perspectivas

Segunda-feira, 10 Setembro 2012

A bovinotecnia à Mirandesa

« Lançar um imposto que só afecta quem trabalha para o sector público não é um aumento de impostos, é um corte na despesa. »

via O que é um aumento de impostos? « BLASFÉMIAS.


Vamos lá ver: quem trabalha para o sector público, ¿trabalha ou não trabalha? É que, das duas, uma: ou não trabalha, e por isso não está lá a fazer nada; ou trabalha, e por isso é tão útil à sociedade quanto qualquer trabalhador do sector privado. Portanto, o problema passa por saber se no sector público se trabalha, ou não.

O que me parece é que o escriba bovinotécnico é da opinião segundo a qual no sector público não se trabalha. E, por isso, segundo o raciocínio dele, um imposto exclusivo sobre o sector público é apenas o reconhecimento do carácter parasitário dos funcionários públicos. Bom, nesse caso, acabe-se de vez com o sector público, uma vez que se parte do princípio de que os funcionários públicos não trabalham.

A demagogia bovinotécnica não tem limites.

About these ads

Deixe um comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed para os comentários a este artigo. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

The Rubric Theme. Blog em WordPress.com.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 450 outros seguidores