perspectivas

Segunda-feira, 30 Julho 2012

Pinto Balsemão e o abate da população portuguesa

Filed under: A vida custa,Portugal — orlando braga @ 12:21 am
Tags: , ,

“Se a população portuguesa fosse metade da que existe actualmente, não teríamos problemas económicos nem de défice.” — Francisco Pinto de Balsemão

Esta frase foi proferida por Balsemão num programa de televisão (SICn).

O que é que leva, do ponto de vista objectivo e científico, alguém com a responsabilidade de Balsemão (o representante em Portugal do grupo de Bilderberg) a afirmar uma coisa destas? Façamos uma comparação com países europeus de uma dimensão semelhante à de Portugal:

Portugal : 92,090 Km2 de área — 10,781,459 habitantes = 117.07 habitantes por km2

Áustria : 82,445 km2 de área — 8,219,743 habitantes = 99.7 habitantes por km2

Holanda: 33,893 Km2 de área – 16,730,632 habitantes = 493.63 habitantes por km2

Bélgica : 30,278 Km2 de área – 10,438,353 habitantes = 344.75 habitantes por km2

Ora, à excepção de Portugal, nenhum dos outros países supracitados têm os problemas económicos e o défice de Portugal. Reportemo-nos aos dados dos défices de 2010, que são os que tenho disponíveis:

Portugal: 9,8% do PIB // Áustria : 4,5% do PIB // Holanda : 5,1% do PIB // Bélgica : 3,8% do PIB

Portanto, a tese da relação negativa entre a população e a economia não pode ser sustentada. O problema é outro: o das elites. Portugal não tem as elites que os outros três países têm. E Pinto Balsemão faz parte da nossa desgraçada elite.

O que faz falta é abater, que nem cães raivosos, grande parte da elite que temos, incluindo o Francisco Pinto Balsemão.


«O nosso Povo tem sempre correspondido, nas alturas de crise. As elites, as chamadas elites, é que sempre o traíram (…)»

— Francisco Sá Carneiro – Abril de 1978 (dois anos antes de ser assassinado)

About these ads

2 Comentários »

  1. [...] ¿Será que a Esquerda (Bloco de Esquerda, Partido Comunista e o Partido Socialista) estão “feitos” com os americanos, na medida em que defendem as mesmas políticas anti-demográficas que uma certa elite riquíssima dos Estados Unidos defende? ¿E o que dizer da opinião do plutocrata de Bilderberg, Pinto Balsemão, expressa na seguinte frase?: “Se a população portuguesa fosse metade da que existe actualmente, não teríamos problemas económicos nem de défice.” — Francisco Pinto de Balsemão [...]

    Pingback por O conluio entre os revolucionários (de esquerda e de direita) contra a família tradicional « perspectivas — Segunda-feira, 15 Outubro 2012 @ 8:01 am | Responder

  2. [...] As opiniões de Pinto Balsemão não são censuradas, embora sejam maioritariamente irracionais. Por exemplo, quando ele defendeu pública e implicitamente o abate da população portuguesa. [...]

    Pingback por Pinto Balsemão defende a censura de opinião (2) « perspectivas — Segunda-feira, 19 Novembro 2012 @ 10:55 am | Responder


RSS feed para os comentários a este artigo. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Theme: Rubric. Get a free blog at WordPress.com

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 509 outros seguidores