perspectivas

Quarta-feira, 28 Setembro 2011

As touradas na Catalunha, os “correbous”, e o puritanismo politicamente correcto

« Os puritanos detestavam os combates de ursos, não porque esses jogos causassem sofrimento aos ursos, mas porque davam prazer aos espectadores. » — Thomas B. Macaulay

Miguel Sousa Tavares fala aqui sobre a proibição das touradas na Catalunha e sobre o movimento puritano neognóstico português que pretende a proibição das touradas em Portugal.

A hipocrisia do puritanismo politicamente correcto não tem limites. Os puritanos do governo da Catalunha proibiram as touradas, mas não proibiram os “correbous”, alegando que estes não terminam com a morte do touro. Porém, os puritanos portugueses querem proibir as touradas mesmo sabendo que a tourada portuguesa não termina com a morte do touro.

O critério dos novos puritanos é exclusivamente neognóstico, elitista e totalitário — seja quais forem as razões por eles invocadas.

About these ads

1 Comentário »

  1. [...] postal anterior falei da proibição, por parte do governo da Catalunha, das touradas naquele território. Porém [...]

    Pingback por O Positivismo e a necessidade irrevogável da elite neognóstica em estar em posição de controlo « perspectivas — Quarta-feira, 28 Setembro 2011 @ 11:53 am | Responder


RSS feed para os comentários a este artigo. TrackBack URI

AVISO: os comentários escritos segundo o AO serão corrigidos para português.

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

The Rubric Theme. Blog em WordPress.com.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 492 outros seguidores